11 de março de 2016

Nos bastidores da corrupção!




Antes de tudo quero que fique claro: não votei na Dilma nesse e nem no mandato anterior; também nunca votei em Lula - há muito tempo que já não sei o que é votar, felizmente ou infelizmente tenho ido às urnas um tanto aborrecida.  

Preferia tirar esse dia para fazer coisa útil.  Com essas palavras terão a certeza de que sou favorável ao voto facultativo (voto e ida às urnas - "uma abstenção, sem ter que dar satisfação" era o meu sonho).

No entanto, não sou favorável ao impeachement de Dilma, muito menos sua renúncia. 

Como ela mesma disse em entrevista recente: "...fui eleita legitimamente pela vontade popular de uma maioria absoluta; a menos que houvesse motivo real e fosse comprovado atos contrários ao Estado Democrático; não sendo dessa forma, não há porque se falar em renúncia".

Não aprovo seu governo num todo, nem o anterior, muito menos apoio o ex-governo que foi Lula, todavia, quanto à Dilma o povo brasileiro quis assim. Governos piores e parlamentares mais sujos já se teve, e ainda tem, todavia ninguém faz ou fez nada! 

Como falar em impeachement, renúncia e cassação de mandato quando se tem Eduardo Cunha, fixo, literalmente, "grudado" ao cargo? Ninguém consegue, sequer, afastá-lo do posto para uma maior transparência nos julgados, quanto mais retirá-lo de forma definitiva.  Os "rabos presos" impedem a manifestação de vontade!

Se continuar assim, dando mais importância ao impeachement que a cassação do Presidente da Câmara, correremos sério risco de tê-lo como Presidente da República em uma eventual renúncia ou impeachement.   

Mas pelo que consta, a vontade popular hoje é ir contra o PT, mesmo que para isso tenha que se ter o maior corrupto da história, eventualmente, assumindo o lugar.

Alguém aí prefere Dilma ou Cunha como Presidente da República?

-Dos males, sempre o menor - já diz o ditado!  

É importante que saibam que há sim uma possibilidade dele, se não for cassado logo, como 3º na ordem sucessória que é, vir a ser o novo Presidente da República, mesmo que temporariamente.  

Para os que querem o PT fora do governo e ver o barco afundar de vez, seria uma vitória, mas estaríamos mais "fud....os" que nunca!     
O tempo urge!  Creio que o ALVO mais interessante nessa história toda de corrupção nos bastidores políticos, seja mesmo o Sr. Eduardo Cunha - infelizmente a maioria não vê a coisa dessa forma e dá muito aplauso as artimanhas do PSDB e até PMDB. Apesar de fazer parte do governo, o referido partido do Vice Presidente se utiliza até de Sarney, um carreirista político, sem moral idônea para falar mal do PT e do estado em que se encontra o país.  Pior de tudo é notar que ele tem público, pessoas o aplaudem!  
foto por ultimosegundo.ig.com
Esse corja toda deveria olhar para o próprio umbigo antes de sair esbravejando a desonestidade alheia!  Se seguirmos assim vamos acabar substituindo 6 por meia dúzia. 

No entanto, se pedissem minha opinião acerca do que deveria ser feito, JURO, que a resposta tardaria a chegar, ou nem chegaria, uma vez que o povo que grita, agita bandeira, "atira pedra" e cerceia a imprensa em manifestações "anti-corrupção" também não é nada flor que se cheire!  Cassar os que estão lá hoje e colocar gente como Aécio, FHC, Sarney ou qualquer um dos manifestantes anti-Dilma/Lula, é o mesmo que contratar um Pedófilo para cuidar de uma creche!

Por Elane F. de Souza (Advogada e Autora deste Blog)
Postar um comentário