14 de setembro de 2015

“Não sou favorável à doação de órgãos”: e se fosse você a necessitar de um transplante, seguiria pensando assim?

Não sei se já notaram, ou se recordam, só sei que na carteira da OAB, essa que tem o “chip”, existe um campo (lado inferior esquerdo – do que não tem foto) os dizeres: doador de órgãos e tecidos – embaixo dele, SIM ou NÃO.  Isso dependerá da tua resposta ao ser questionado no momento da inscrição na Ordem pela primeira vez.  Pelo menos foi assim comigo, todavia isso já faz muito tempo, no entanto, ainda hoje, após minha transferência para outra Seccional a carteira seguiu constando o belo e orgulhoso SIM que dei no passado (há 14 anos) - .mas não foi uma coisa que me consultaram, apenas reescreveram o que já havia!

Bom seria se houvesse uma lei que determinasse a escrita dos dizeres do parágrafo anterior e a obrigatoriedade de uma resposta para eles. Essa mesma lei deveria considerar válida, juridicamente, a resposta, fosse ela qual fosse. Dessa forma, não haveria nenhuma necessidade de autorização familiar para retirada de órgãos e tecidos do indivíduo com morte encefálica. Evitaria a morte definitiva dos tecidos e economizaria tempo no pedido de autorização familiar quando a resposta documental (antecipada) fosse o SIM!
Infelizmente não é assim, essa lei "utópica" não existe, além do mais muita gente ainda tem receio de doar, não se sabe o porquê. Uns dizem que se trata de “convicção religiosa”, outros tem receio que retirem seus órgãos mesmo que ainda haja vida, por interesse financeiro; já alguns não aceitam doar pelo simples egoísmo. Não sei qual o pior tipo!
Imagine que fosse você ou alguém que ame muito a necessitar de um transplante; seguiria com o mesmo pensamento egoísta que vigora hoje? Acredito que não!
A meu ver não existe coisa mais humana e saudável que ser desprendido, altruísta neste sentido. Ao sair dessa vida deixando um pedacinho de si vivendo num corpo distinto é, acima de tudo, um grande alento; ou saber que um pedacinho de quem amamos segue vivo em outro corpo, é como ter novamente a pessoa ao nosso lado –  imagino a doação de órgãos dessa maneira.
Apesar da taxa de doadores ter subido de 2013 para ca, ela ainda ficou abaixo da meta proposta pela associação em 2014, que era de 15 por milhão. Além disso, o índice está longe da alcançar o objetivo de 20 doadores por milhão pessoas até 2017.
Para se ter ideia, na Espanha, considerado o país que mais registra transplantes, a taxa é de 37 por milhão.
De acordo com Lucio Pacheco, presidente da ABTO, a má distribuição das equipes que realizam transplantes pelo Brasil pode ser uma das respostas esta dificuldade.
Segundo o Ministério da Saúde, que coordena o Sistema Brasileiro de Transplantes, há mais de mil equipes preparadas para realizar cirurgias distribuídas pelo Brasil e 400 unidades prontas para atuarem nessa área.
Mas para Pacheco, há uma concentração desse tipo de mão de obra no Sul e Sudeste e quase nenhum ou nenhum no Norte, Nordeste e Centro-Oeste. “Enquanto em São Paulo há 20 equipes para realizar cirurgias de fígado, o que é muito, em Minas Gerais há apenas 3. Em outros estados mais longes, não há”, explica.

Rejeição das famílias

Os Estados onde os familiares menos autorizam doação de órgãos no Brasil são:Goiás, 82% de negativas, Sergipe 78% e no Acre 73%.
No sou favorvel doao de rgos e se fosse voc a necessitar de um transplante seguiria pensando assim
E ainda dizem que o Brasileiro é solidário. Que tipo de solidariedade é essa que impede as pessoas de doarem, inclusive, o que não necessitam mais? É preferível doar todos os órgãos do corpo que imaginar sendo comidos pelos vermes ou incinerados.

É preciso reverter essa situação de negativa com mais campanhas educacionais, que mostrem à população o que é a doação de órgãos, explicar a morte cerebral e tirar dúvidas relacionadas ao sistema de transplantes.
É importante entender a doação de órgãos como um papel da sociedade civil. Hoje você pode não estar precisando, mas no futuro, você pode ir para a fila de espera”, concluiu Lucio Pacheco, presidente da ABTO em entrevista ao G1. Globo SP, por Eduardo Carvalho.

Veja uma campanha importante da ABTO neste mês de setembro 2015


A Associação Brasileira de Transplantes de órgãos realiza anualmente no mês de setembro a Campanha Nacional de Doação de Órgãos, em apoio à LEI Nº 15.463, de 18 de Junho de 2014, que Instituiu o mês da doação de órgãos, denominado“Setembro Verde”. Assim sendo ABTO institui, em 2015, a Campanha “Brasil Verde”, iluminando os principais monumentos e pontos turísticos das cidades brasileiras. Confiram quais estados e monumentos estão participando:
# Acre
Palácio Rio Branco
# Alagoas Monumento Teotônio Vilela Memorial à República Secretaria da Saúde
# Amazonas Teatro Amazonas
# Bahia Hospital Dom Pedro Alcântara # Ceará Casa Amarela do Instituto Dr. Jose Frota
# Espírito Santo Ponte da Passagem Catedral Morro Penedo Prefeitura Municipal de Vitória Palácio Anchieta Pedra da Cebola Torre de transmissão Jesus de Nazaré Monumento Imigrante Italiano HPM- Hospítal da Polícia Militar Cruz do Papa Pier Iemanjá
# Goiás
CRER - Centro de Reabilitação e Readaptação Henrique Santillo IPASGO HGG UNIMED Assembleia Legislativa HUGO
# Maranhão Câmara dos Vereadores
# Minas Gerais Obelisco Santa casa de BH Cidade Administrativa do Governo do Estado Cristo Redentor de Juiz de Fora Sede dos Correios
# Mato Grosso do Sul Obelisco
# Pará Tribunal de Justiça do Estado Hemocentro Hemopa
# Paraíba Outdoor no shopping
# Paraná Jardim Botânico Hospital Municipal de Foz do Iguaçu
# Pernambuco Caixa d'água do Alto da Sé Monumento da integração em Petrolina. Prefeitura Municipal de Petrolina
# Piauí Ponte Estaiada
# Rio de Janeiro Cristo Redentor
# Rio Grande do Norte Prefeitura de Natal Pórticos dos Reis Magos Ponte Newton Navarro
# Rio Grande do Sul INSCER - Instituto do Cérebro Ministério Público do Rio Grande do Sul Assembléia Legislativa do RS Ordem dos Advogados do RS Estádio Arena do Grêmio Secretaria da Saúde de Caxias do Sul Secretaria de Turismo de Canela Secretaria de Turismo de Bento Gonçalves
# Rondonia Catedral de Porto Velho As Três Caixas d'Água
# Santa Catarina Ponte Hercílio Luz Catedral Metropolitana
# São Paulo Ponte das Bandeiras Monumento das Bandeiras FIESP (dia 09/09)
# Sergipe Arco da Atalaia
*A inspiração para escrever esse artigo veio do grande carinho e admiração que sinto pelo amigo G. Gonzaga, Paraibano, que também é um JusBrasileiro e necessita,URGENTEMENTE, de um Coração! Pense nisso, cambie de opinião acerca da "doação de vida", após a morte!
No sou favorvel doao de rgos e se fosse voc a necessitar de um transplante seguiria pensando assim
Adicionar legenda

FontesG1. Globo SP e ABTO. Org
Autoria e Comentários: Elane F. De Souza OAB-CE 27.340-B
Foto/Créditos: sejadoadordevidas. Wordpress e blogdothame. Blog


Postar um comentário